sábado, 27 de dezembro de 2008

DEVANEIOS AQUECIDOS


Pra ter liberdade não preciso ser estátua segurando uma tocha
Basta ser simples como o ecoar divino de uma cabrocha
Seja num belo cantinho discreto tracejando o que é certo
Pronto pro combate nesse universo incerto
Seguindo esperto, passo-a-passo observando o movimento mais tosco
Colorindo a vida com poesia real e apagando o preto fosco
Conosco enfrente a batalha e não durma no ponto
Se questionarem sua bondade seja verdadeiro e pronto
O vento sopra, leva, distancia algumas imagens
O empenho ergue, remonta antigas sondagens
A visão apurada demonstra uma opinião encantada
Sem conto de fadas a reflexão é acionada
Enquanto a cena não acaba, o longa segue em intenso estudo
Sendo a caneta minha espada e a honra meu escudo


Os meus olhos lacrimejam, porém secam em seguida
Meu quebra-cabeça monta fatos pra que eu me encaixe nesta vida
Meus ouvidos escutam ecos que atordoam o pensamento
Agasalhem os teus sonhos e os recolham do relento


Esquente teu devaneio, mostre que a pureza é uma chama infinita
Entre barro, madeira e asfalto até o mais duro se precipita
Respeite o bairro, a cidade, o cidadão e tente ser feliz
Apague o ódio, a braveza e cure a cicatriz
Pra acelerar a união entre povos sei que pouco se investe
Hoje acelero como piloto principal, mas dou a mão ao piloto de teste
A corrente é forte e não quebra com qualquer martelada
Enquanto jogam pessimismo em quilo, eu rebato com otimismo em tonelada
Tento fazer com que o riacho do pensamento se torne um oceano gigante
Pra que o brilho da legitimidade reluza mais que diamante
Não se espante, não corra, que você é mais do que uma prova ou uma nota de corte
Com minha mente e um punho franzino te apoio nesta guerra, tornando meu braço mais forte



Os meus olhos lacrimejam, porém secam em seguida
Meu quebra-cabeça monta fatos pra que eu me encaixe nesta vida
Meus ouvidos escutam ecos que atordoam o pensamento
Agasalhem os teus sonhos e os recolham do relento


CHELLMÍ * 24.12.2008

Um comentário:

jornalistafoca disse...

Sua poesia tem muita força, inspira a mente dos que lêem de coração aberto e confunde a mente dos pensam que pensam!!
Manooo muito locaaaa, de coração!!! Já falei você tem futuro nessa pirosca invista na escrita..
Beijos e Abraços
Silvana Gotardi